COB faz balanço positivo do primeiro dia do II Congresso Olímpico Brasileiro | Congresso Olímpico Brasileiro

COB faz balanço positivo do primeiro dia do II Congresso Olímpico Brasileiro

Evento reúne 600 pessoas em Salvador para mais de 30 palestras de especialistas nacionais e internacionais  

19/03/2022
COB faz balanço positivo do primeiro dia do II Congresso Olímpico Brasileiro

O esporte olímpico brasileiro se encontrou neste sábado, dia 19, em Salvador (BA), no primeiro dia do II Congresso Olímpico Brasileiro. Foram quase três anos de espera após a primeira edição, em São Paulo, para a realização do evento. Para o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o balanço foi extremamente positivo. Um trabalho minucioso foi desenvolvido para viabilizar a realização de forma segura, cumprindo todos os protocolos de saúde, e oferecendo ao público de 600 pessoas, que esgotou os ingressos, uma experiência agradável, de muita troca de conhecimento e vivências enriquecedoras.  

Foi um dia intenso de palestras no palco principal, iniciadas pelo futurista alemão Gerd Leonhard, que levantou reflexões sobre os desafios, as expectativas e os possíveis rumos e tendências que estão surgindo e irão conduzir a humanidade, esporte e a tecnologia nos próximos anos. Outro ponto alto da programação foi a palestra do tricampeão olímpico José Roberto Guimarães. No Palco Talks, debates sobre temas atuais como saúde mental, combate ao racismo e assédio e enfrentamento ao jogo limpo.   

Satisfeito com o sucesso do primeiro dia do Congresso Olímpico, o presidente do COB, Paulo Wanderley, afirmou que a realização do evento reforça o compromisso da entidade com a evolução do esporte brasileiro. “O dia de hoje ficará para sempre guardado na minha memória e tenho certeza que na de todos que estiveram presentes neste dia inaugural do II Congresso Olímpico Brasileiro. A primeira edição, em São Paulo, foi muito boa, mas essa agora está ainda melhor. O evento é uma oportunidade do COB mostrar todo o seu trabalho e interagir com o mercado esportivo”, afirmou Paulo Wanderley.  

O dia também foi de homenagens do COB a três lendas do esporte nacional, que eternizaram suas mãos para o Hall da Fama da entidade: Servílio de Oliveira, bronze no México em 1968, primeiro medalhista do boxe; Aurélio Miguel, ouro em Seul 1988 e bronze em Atlanta 1996 no judô; e Hélia Rogério de Souza Pinto, a Fofão, campeã olímpica em Pequim 2008 e bronze em Atlanta 1996 e Sydney 2000.   

“Conseguimos reunir aqui um grande número de profissionais do esporte olímpico neste primeiro dia do Congresso Olímpico. O balanço é altamente positivo. Tivemos pessoas das ciências do esporte, treinadores, gestores e palestrantes de altíssimo nível”, destacou o diretor-geral do COB, Rogério Sampaio.  

Neste domingo, último dia de evento, a programação, a partir das 8hs, terá como destaque as palestras do líder de engajamento do Comitê Olímpico Internacional (COI), Lenny Abbey sobre a Agenda 2020+5, e de Carlos Alberto Júlio, um dos mais requisitados palestrantes do país. Além disso, serão anunciados os vencedores do Prêmio Esporte Inovação. Para encerrar, o COB lançará seu novo projeto, Memória Olímpica.